Início / Desporto / Modalidades / Lesões Musculares
lesões musculares

Lesões Musculares

As lesões musculares podem ser causadas por pancadas directas, estiramentos ou lacerações.

Embora o tratamento permita uma boa recuperação na maioria dos casos, as consequências das lesões musculares podem, em último caso, impedir o retorno ao desporto durante semanas ou meses.

O tecido muscular esquelético corresponde à maior massa no corpo humano, representando cerca de 45% do total do seu peso, por isso estas lesões acabam por ser frequentes.
De um modo geral, as lesões causadas pelo desporto devem-se a:
> treino incorrecto,
> anomalias estruturais que forçam certas partes do corpo mais do que outras, como é o caso da excessiva rotação dos pés para dentro depois de entrarem em contacto com o solo, que causa a maioria das lesões do pé, da perna e da anca.
> fraqueza dos músculos, tendões e ligamentos
> desgaste crónico

Sempre que se forçam os músculos num treino intensivo, algumas fibras musculares lesionam-se e outras consomem a energia disponível que foi armazenada. Exigem-se mais de dois dias para que as fibras sarem.
Assim, podem prevenir-se as lesões crónicas com um intervalo de pelo menos 2 dias entre os períodos de treino intensivo ou alternando os que forçam diferentes partes do corpo.

Prevenir

Os exercícios de fortalecimento ajudam a prevenir as lesões.
O único modo de fortalecer os músculos é exercitá-los contra uma maior resistência de forma progressiva, como praticar um desporto cada vez mais intenso, levantar pesos cada vez maiores, ou usar máquinas especiais de fortalecimento.

O aquecimento antes de se iniciar qualquer exercício é essencial para prevenção de lesões. O aquecimento prepara os músculos para exercícios enérgicos.

O arrefecimento significa uma redução gradual da velocidade antes de se interromper o exercício e evita as tonturas ao manter a circulação sanguínea. Quando se interrompe bruscamente um exercício enérgico, o sangue pode acumular-se nas veias das pernas, reduzindo momentaneamente a irrigação cerebral e causando tonturas ou desmaio. O arrefecimento também ajuda a eliminar resíduos como o ácido láctico dos músculos.

Os exercícios de alongamento não parecem prevenir as lesões, mas alongam os músculos de tal forma que se podem contrair mais eficazmente e funcionar melhor.

O uso de equipamento adequado é parte integrante da prevenção de lesões musculares e dos tendões.

Tratar

Os tratamentos das lesões musculares incluem: protecção, repouso, gelo, compressão e elevação.
Os anti-inflamatórios não esteróides ajudam a controlar a dor e a inflamação e a fisioterapia, com aplicação de calor, frio, electricidade ou ultra-sons contribui para o processo de reabilitação.
A sua duração dependerá do grau de gravidade e complexidade da lesão, por norma, uma semana de repouso requer pelo menos duas semanas de exercício para se voltar ao nível de estado físico anterior à lesão.

loading...

Verifique também

Como dançar bachata

Como dançar bachata

A bachata é um ritmo musical e uma dança originária na República Dominicana na década …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *