Campeão do Mundo e da Europa em título, Portugal vai cruzar-se com o Brasil, campeão do mundo em quatro ocasiões, a China, que é uma das mais poderosas equipas da Ásia, e os Estados Unidos, uma das potências da CONCACAF.